Os melhores diretores do cinema- Parte 1

Existem vários fatores importantes para a construção  de um filme, como: iluminação, fotografia, trilha sonora, figurino, os personagens e a edição são alguns desses exemplos. Porém, o mais importante é o diretor, pois é ele que contrata a equipe e a conduz durante todo o processo de criação. Além disso, ele que escolhe os atores e os dirige da maneira que lhe agrade. Resumindo, o diretor de um filme é o ponto chave para que um longa seja feito.

Em Hollywood existem vários diretores que são renomados e respeitos pelo mundo todo. Alguns são responsáveis por terem criado uma nova visão de fazer cinema, enquanto outros por criarem novas técnicas de filmagens. O Eu Fã listou os melhores diretores do cinema.

Leia também: Melhores Diretores – Parte 2

Steven Spielberg

Steven Spielberg
Possui mais filmes na lista dos 100 Melhores Filmes de Todos os Tempos, essa lista foi feita pela American Film Institute. E segundo aForbes sua fortuna está em 3,6 milhões de dólares.

Melhores filmes: A Lista de Schindler, E.T, Tubarão, A Cor Púrpura, O Resgate do Soldado Ryan, Cavalo de Guerra, Jurassic Park, Ponte de Espiões.

Indicações de Melhor Diretor: 1977- Contatos Imediatos de Terceiro Grau; 1981- Os Caçadores da Arca Perdida; 1982- E.T.- O Extraterrestre; 2005- Munique; 2013- Lincoln

Indicações de Melhor Filme: 1982- E.T.- O Extraterrestre; 1985- A Cor Púrpura; 1998- O Resgate do Soldado Ryan; 2005- Munique; 2012- Cavalo de Guerra; 2013- Lincoln; 2016- Ponte de Espiões.

Martin Scorsese

Martin Scorsese
Considerado um dos maiores diretores de todos os tempos. Tem uma grande parceria com Leonardo Di Caprio.

Melhores filmes: Taxi Driver, Os Bons Companheiros, O Lobo de Wall Street, Os Infiltrados, Touro Indomável, A Invenção de Hugo Cabret.

Indicações de Melhor Diretor: 1981- Touro Indomável; 1989- A Última Tentação de Cristo; 1991- Os Bons Companheiros; 2003- Gangues de Nova York; 2005- O Aviador; 2007- Os Infiltrados; 2012- A Invenção de Hugo Cabret; 2014- O Lobo de Wall Street.

Indicações de Melhor Filme: 2012- A Invenção de Hugo Cabret; 2014- O Lobo de Wall Street.

Quentin Tarantino

1148233_quentin_tarantino_djungo_KDM_
É um dos mais jovens diretores por trás da revolução cinematográfica dos anos 90. Seus filmes são reconhecidos por seus roteiros não lineares, diálogos memoráveis e o uso da violência.

Melhores Filmes: Pulp Ficiton, Kill Bill- Volume 1 e 2, Django Livre, Bastardos Inglórios, Os Oito Odiados.

Indicações de Melhor Diretor: 1995- Pulp Fiction; 2010- Bastardos Inglórios.

Indicações de Melhor Filme: 1995- Pulp Fiction; 2010- Bastardos Inglórios.

 

Stanley Kubrick

Stanley Kubrick
Considerado um dos maiores diretores de todos os tempos, por conta de sua originalidade e persistência, aliadas a uma técnica meticulosa, profunda e paciente.

Melhores filmes: O Iluminado, 2001- Uma Odisseia no Espaço, Laranja Mecânica, Lolita

Indicações de Melhor Diretor: 1964- Dr.Fantástico; 1969-2001: Uma Odisseia no Espaço; 1972- Laranja Mecânica; 1976- Barry Lyndon.

Indicações de Melhor Filme: 1965- Dr.Fantástico; 1972- Laranja Mecânica; 1976- Barry Lyndon.

 

Alfred Hitchcock

Alfred Hitchcock
Considerado o “Mestre dos filmes de suspense”. Foi um dos mais conhecidos e populares realizadores de todos os tempos.

Melhores filmes: Psicose, Os Pássaros, Um Corpo que Cai, Janela Indiscreta.

Indicações de Melhor Diretor: 1941- Rebecca, a mulher inesquesível; 1945- Um Barco e nove destinos; 1946- Quando fala o coração; 1955- Janela Indiscreta; 1961- Psicose

Indicações de Melhor Filme: Nenhuma

Christopher Nolan

Christopher Nolan
Seus nove filmes já arrecadaram mais de 4,2 milhões de dólares, sendo um dos diretores mais bem sucedidos comercialmente.

Melhores filmes: A Origem, Trilogia Batman, O Grande Truque, Interestelar, Amnésia

Indicações de Melhor Diretor: Nenhuma

Indicações de Melhor Filme: Nenhuma

Marco Lotes

Jornalista e aspirante a ator. Pothermaníaco e "dementador de livros" ele é extrovertido, amante da sétima arte e colecionador de relíquias cinematográficas.

Marco Lotes

Jornalista e aspirante a ator. Pothermaníaco e “dementador de livros” ele é extrovertido, amante da sétima arte e colecionador de relíquias cinematográficas.